quinta-feira, 9 de dezembro de 2010

Origami



Eis que, em minhas andanças pelo mundo, encontrei, em uma praça de uma cidade cujo nome não me lembro, um sábio monge. Assim que o reconheci, me sentei ao seu lado para pedir algum conselho que só os sábios podem oferecer.

— Gostaria de ouvir algumas palavras tuas! — disse após cumprimentá-lo com reverência.

— Dize, caro jovem! — ele me fitou sorrindo — De que maneira minhas palavras podem te ajudar?

— Fala-me sobre o verdadeiro sentido da vida. — disse, sem delongas.

O sábio me olhou, novamente sorrindo:

— Caro amigo, somente tu podes responder essa pergunta.

— Como assim? — indaguei com algo de desapontamento no tom da minha voz.

O monge não me respondeu imediatamente. Retirou de seu alforje duas folhas brancas, depois me deu uma e começou a dobrar a outra.
 
— Já ouviste falar no origami? — perguntou, então.

— Sim, é uma técnica oriental que consiste em dobrar uma folha até que esta tome a forma de um animal ou de uma figura qualquer.

— Exatamente. É uma técnica milenar, praticada por homens sábios e pacientes. — depois de um momento de pausa, o monge disse: — Tua vida é tal qual essa folha que tens em tuas mãos.
 
— O que?! — não havia compreendido aquela parábola.

— Tu decides que figura construir, meu jovem! — esclareceu o sábio — Cada dobra é uma decisão que tomas e tu escolhes se no final a folha se transformará em um pássaro, em um barco ou em um coelho.

Naquele momento comecei a entender suas palavras.

— Cada dobra deve ser feita com cuidado, pois se dobras errado, a folha poderá ficar marcada. E somente aqueles que ousam fazer as mais arriscadas dobraduras conseguem os mais interessantes resultados.

Após tais palavras, o sábio me mostrou um coelho feito com a folha que estava dobrando.

Era uma manhã ensolarada. Sentado ao lado de um monge iluminado, fiquei dobrando uma folha em branco até que um pássaro surgiu das dobras que fiz. E eram sábias as palavras daquele velho homem.


Anderson Lobo
(sonhador sempre)

Um comentário :

  1. Esta poesia Origami...é linda...alias um conto maravilhoso.Grata pela visita.

    ResponderExcluir